Home > Notícias do Centro > Notícias > Fundação Itaú Social e Unicef promovem seminário para educadores no Memorial da América Latina

Fundação Itaú Social e Unicef promovem seminário para educadores no Memorial da América Latina

19/05/2008

Fundação Itaú Social e Unicef promovem seminário para
educadores no Memorial da América Latina

 

Professores, representantes de ONGs e de governos municipais, estaduais e federal debatem o conceito de Educação Integral e discutem como implantar o sistema esta semana, durante o Seminário Nacional Tecendo Redes para a Educação Integral. O evento, desta terça (15/8) até quinta-feira (17/8), no Memorial da América Latina, é realizado por iniciativa da Fundação Itaú Social, mantida pelo Banco Itaú, que é um dos mantenedores da Associação Viva o Centro, em parceria com o Unicef e apoio técnico do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).  

 

Estarão presentes, para falar sobre parcerias e mudanças na legislação que viabilizaram a Educação Integral, secretários e técnicos de ensino de São Paulo (estado e cidade), Apucarana (PR), Coronel Dias (PI), Nova Iguaçu (RJ), Piúma (ES), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Rio Grande do Sul, Tocantins, Ceará, Santa Catarina, Bahia, Pernambuco e Rio de Janeiro. ?A idéia é que essas experiências sirvam como inspiração e não como um modelo a ser seguido, porque não há fórmula para a educação integral, os sistemas educacionais podem ser criados de acordo com a realidade de cada comunidade?, diz a superintendente da Fundação Itaú Social, Ana Beatriz Patrício.

Linhas diferentes

 

Nova Iguaçu e Apucarana, por exemplo, seguiram caminhos diferentes. A cidade carioca optou pela mobilização da sociedade civil, enquanto no Paraná foi criada uma lei municipal que estabelece a adoção do sistema. Em comum, os dois municípios têm a formação de redes englobando a sociedade civil organizada, iniciativa privada e outros níveis do poder público, além da pasta da educação.

 

Na Fundação Itaú Social, a discussão sobre Educação Integral nasceu no âmbito do Prêmio Itaú Unicef, que há onze anos contempla bienalmente atividades sócio-educativas desenvolvidas por organizações da sociedade civil. ?Desde a sua criação, o Prêmio trata de educação integral, já que valoriza ações complementares à educação formal, mas foi a partir de 2001 que a proposta de Educação Integral começou a aparecer de forma mais definida?, diz Ana Beatriz.

 

Naquele ano, o programa, que nos anos ímpares premia e nos pares oferece formação para as ONGs contempladas, trabalhou com o tema ?O Direito de Aprender?, importante no reconhecimento das organizações como espaço educacional. Em 2003, o tema foi ?Muitos Lugares para Aprender?, que levou a uma discussão sobre o comprometimento dos vários setores da sociedade com a educação. E, finalmente, no ano passado, a discussão envolveu escolas e o poder público com a proposta Tecendo Redes. ?O Seminário é fruto de um amadurecimento dessa discussão?, afirma a superintendente.

 

O evento faz parte das atividades de formação das ONGs oferecidas pelo Prêmio. Na edição anterior, foram realizados seminários regionais sobre Educação Integral. ?A proposta agora é fazer um seminário que coloque na agenda pública este tema, apresentando as diversas possibilidades de ação?, completa Ana Beatriz.

 

Serviço

Seminário Nacional Tecendo Redes para a Educação Integral

Memorial da América Latina

Avenida Auro Soares de Moura Andrade, nº 664, Barra Funda

Ter (15/8), das 8h30 (credenciamento); 9h30 às 18h;

Qua (16/8), 9h às 18h

Qui (17/8), 9h ao meio-dia

www.fundacaoitausocial.org.br ou www.cenpec.org.br

Tel. 08007017104

 

Programação do Tecendo Redes

 

Deixe Seu Comentário:

Gostou? Então compartilhe.