Home > Notícias do Centro > Notícias > Prefeitura propõe Virada Limpa para a 15ª Parada do Orgulho LGBT

Prefeitura propõe Virada Limpa para a 15ª Parada do Orgulho LGBT

09/06/2008

20/06/11

página inicial   | página anterior índice de notícias

 

Prefeitura propõe Virada Limpa para a 15ª Parada do Orgulho LGBT

  

 

São Paulo quer repetir na 15ª Parada do Orgulho LGBT, no próximo domingo (26/6), a experiência da Virada Cultural em matéria de limpeza pública e segurança, durante o evento. Mais de mil homens e mulheres serão mobilizados e 1.200 lixeiras instaladas ao longo do percurso. Três cooperativas de coleta seletiva irão trabalhar durante a festa.

O prefeito Gilberto Kassab ressaltou em entrevista coletiva nesta terça (21/6) o caráter de ações conjuntas das secretarias na realização dos eventos da cidade e acredita que, assim como na Virada Cultural, as iniciativas serão bem sucedidas.

"A expectativa é a melhor possível porque vemos o avanço na organização dos eventos da cidade. Temos já experiência da Virada Cultural Limpa que foi muito bem sucedida com as ações integradas de várias secretarias. A Parada LGBT também é um evento importante da cidade que terá ações estratégicas e servirá para mostrar que São Paulo está preparada para receber grandes eventos. Tenho certeza que os resultados serão positivos como na Virada Cultural", afirmou Kassab.

Com o lema ""Amai-vos uns aos outros: basta de homofobia!", a Parada do Orgulho LGBT de São Paulo deste ano será realizada no próximo domingo (26) e vai comemorar os 10 anos da lei estadual 10.948/01 que criminaliza a homofobia. O evento paulistano já é considerado o maior do mundo do segmento e a expectativa deste ano é atrair 3 milhões de participantes.

As secretarias de Coordenação das Subprefeituras, de Serviços, de Segurança Urbana, de Participação e Parceria e a SPTuris prepararão ações conjuntas e integradas para garantir um bom evento e a limpeza da cidade. "Estamos implantando um trabalho para garantir uma festa limpa e de sucesso. Estamos nos preparando para receber bem as pessoas que vierem a São Paulo para o evento'", assinalou Uebe Rezeck Secretário de Participação e Parceria.

"O ramo do negócio que sempre traz turistas para a cidade se fortaleceu com a indústria de eventos. Queremos 54 grandes eventos na cidade por ano, hoje temos 26. A Parada já é um dos cinco maiores e que proporciona, segundo as pesquisas de 2010, algo em torno de R$ 170 milhões", afirmou Caio Carvalho, presidente da SPTuris.

Operação de limpeza

Os serviços de varrição e limpeza serão iniciados no sábado (25) com serviços preventivos e ampliados já na manhã de domingo (26). "Temos uma operação toda estruturada no sentido de ter a Parada dentro de aspectos de limpeza adequado. Além da mobilização de mais de mil homens e mulheres para este evento, colocaremos contêineres, 1.200 lixeiras e teremos três cooperativas de coleta seletiva trabalhando durante a Parada", explicou o secretário de Serviços, Drausio Barreto.

A fiscalização para o combate ao comércio irregular de bebidas alcoólicas, como o vinho químico, também será uma realidade na Parada LGBT. Fiscais da Coordenação das Subprefeituras estarão presentes no evento e contarão com o apoio de 580 Guardas Civis Metropolitanos. "Usamos para a Parada LGBT uma modelagem parecida com a da Virada Cultural deste ano. Estaremos atuando em diversos locais por onde o evento passa e combateremos o comércio do vinho químico", disse Ronaldo Camargo, secretário de Coordenação das Subprefeituras.

Segundo o secretário de Segurança Urbana, Edsom Ortega, a Guarda Municipal também estará presente para garantir a tranqüilidade do público. "Faremos um trabalho importante de prevenção já no sábado no sentido de identificar eventuais estabelecimentos que comercializam o vinho químico. Serão 174 viaturas posicionadas em vários trechos para assegurar a tranqüilidade das pessoas", disse Ortega.

"Nesses dias que São Paulo se prepara para disputar a realização do jogo de abertura da Copa do Mundo de 2014 é importante mostrar para o mundo o preparo da cidade para receber eventos de grande porte", finalizou Kassab.


 

Deixe Seu Comentário:

Gostou? Então compartilhe.