Home > Notícias do Centro > Notícias > Seminário "O Haiti está vivo ainda lá" no Museu Afro '

Seminário "O Haiti está vivo ainda lá" no Museu Afro '

02/07/2010

02/07/10

página inicial   | página anterior índice de notícias

 

Seminário ?O Haiti está vivo ainda lá? no Museu Afro Brasil discutirá arte, cultura, religião e política haitiana

 

A partir deste domingo (4/7), a exposição ?O Haiti está vivo ainda lá. Bandeiras, Recortes e Garrafas consagradas ao Vodu? apresentará, no Museu Afro Brasil, cerca de 350 obras inéditas que revelam como os símbolos do cotidiano sagrado e profano servem de alicerce para manter a tradição do país que foi terrivelmente atingido por um terremoto, no início de 2010. Além dos objetos sagrados, a mostra apresenta cerca de 70 imagens produzidas pelos fotógrafos Caio Guatelli e Anderson Schneider, enviados ao Haiti para a cobertura da catástrofe.

No dia 5/7, das 10h às 18h30 o Museu Afro Brasil ? Organização Social de Cultura promove o Seminário ?O Haiti está Vivo Ainda Lá?. Serão três mesas de debate que abordarão arte, cultura, religiosidade, política e o impacto sofrido pela população haitiana com a tragédia do terremoto que assolou o país no início deste ano. Entre os convidados estão os haitianos Yves Telemáque, um dos maiores artistas de bandeiras sagradas do Haiti e Euvonie Georges Auguste, reconhecida ativista voduísta. O tema é inspirado na exposição. Veja programação.

 

Deixe Seu Comentário:

Gostou? Então compartilhe.